22/07

A atitude que irradia exclusivamente os fins, estrangula os meios.

A estadia no Recife correu na mais perfeita ordem, com uma palestra que resumiu todo um trabalho desenvolvido nos últimos quatro anos, mais o Freak Show e a generosa receptividade estudantil. Tudo exuberante, a começar pela cidade.

21/07

A gente consegue diluir boa parte das vergonhas passadas, mas há algumas que teimam; geralmente aquelas não-percebidas, privadas, que nos torturam diante da suposição do flagra.

20/07

A barra de progresso é o ícone do fim do século.

– Gosta de poesia?

– Gosta de arte?

Qualquer dia, o vendedor de rua:

– Gosta de design?

19/07

Tudo é letra, mas só a palavra é poder.

18/07

Ser educativo não é ser literal.

17/07

Todo Anima Mundi é sinônimo de maratona audiovisual, ainda que a programação pessoal tenha sido prejudicada pelo NDesign de Recife. Dificilmente repetirei as 18 sessões do ano passado.

Um aspecto engraçado é a certeza do encontro com determinadas pessoas as quais desconheço, mas que identifico em todas as edições. Eu também devo ser.

Brasil, o país do sussurro.

16/07

Para alguns, a Internet é como a varanda; para outros, um elevador ou mesmo o playground.

Poucos saem do prédio.

A preocupação com a prática esportiva não é pelo atleta: é importante impedir que os estádios virem igrejas.

15/07

A moça de vida fácil adiantou as despesas, antevendo a temporada turística; afinal, ela contava com os ovos.

Os bons atos é que deveriam render manchetes. Dos ruins, você já espera.

14/07

Ferreira Netto e “Maestro” Záccaro.

« Pgina Anterior Prxima Pgina »
 

Powered by WordPress