31/08

O cotidiano violento inverte o espectro da percepção; o que tanto me faz indiferente à maioria dos disparos, quanto assustado por qualquer ruído inesperado.

Nervos? Encomende.

Revista Galileu, edição 167:

(…) A possibilidade de viajar-se no tempo foi colocada por Einstein em acho que é 1905 – checar com o Pablo, como uma conseqüência da Teoria Geral da Relatividade no universo e na relação entre tempo e espaço. (…)

30/08

– Temos a nacional e a importada.

Fulano é foda… sempre com a razão. Parece o Cicrano, que interrompe você para dizer que já sabia – incluindo aquilo que é pessoal.
– Um sabe tudo, e o outro sempre tem um motivo especial a ser revelado – no caso, o argumento alheio.
– Sempre que alguém faz uma colocação contrária, ele diz que a idéia era essa. Que coisa, hem? Assim fica fácil.
– ‘tá igual ao Beltrano, porra?
– Justamente.
– O Beltrano é outro que sempre tem um motivo implícito.
– Isso.
– Algo que não foi entendido pelo leitor.
– “Motivo implícito” soa fálico.

29/08

Diante de toda crítica, a resposta se ampara no desconhecimento e a intenção pelo bem maior. O argumento é malicioso, como a dúvida: elegemos presidentes ou mães?

28/08

É um sintoma de pobreza, bufê em restaurante.

Parte muitas vezes do orgulho pessoal, da incompreensão do olhar autoral, uma acusação cíclica:

– Você nunca está satisfeito!

– Você é muito autocrítico.

Ainda bem.

Não fujo à análise, mesmo sob o risco de exagero circunstancial. Plenitude é ignorância.

27/08

“Pessoa errada” é uma presunção.

– É bonita?
– Sim… Eu curto “minas rock’n’roll“.
– Se eu estivesse no Orkut, procurava uma foto.
– É a carteira de identidade do brasileiro.

26/08

Resolver o problema inclui pegar o recibo.

25/08

Já reparou como toda atividade vira uma analogia para com a vida? Não faltam depoimentos.

Resume-se: Viver é um verbo.

24/08

Na fila da loja de produtos naturais, a senhora à frente:

– Minha filha, como é o chá de picão preto?

Olho o rótulo, incrédulo.

Minha vida é um filme brasileiro.

– Preciso de uma assessoria de moda; ou namorada; ou amigas; ou, sei lá, ser interditado.
– Para qualquer um desses, pode contar comigo.

23/08

Sarah Wayne Callies é tudo o que eu quero.

Próxima Página »
 

Powered by WordPress