30/07

Excertos de uma produção para o Casuarina:


Que maravilha, que maravilha.

Ísis Valverde tinha que ser mineira, mesmo. Negócio bom de morder, rapaz.

29/07

É aflitivo tratar com homônimos.

Por que, raios, todo radical opositor estadunidense tem que apresentar um visual tão sisudo, tão propriamente caricato como vilão, chegando mesmo ao ridículo de superar aqueles fictícios?

28/07

Sobre a hipocrisia audiovisual:

– Essa informação entra como texto legal?
– Não, é para ser lida.

27/07

Que sejam esclarecidos pelos menos os aspectos econômicos da educação formal, cotidiana, se isso motivar a ceder lugar, respeitar o espaço alheio etc.

“Maior da América Latina”

26/07

Em 2001, três mídias DVD-R:

Uma estória é que se escreve. A História não é linear.

25/07

Helena Lara Resende é mais uma bela surpresa do Canal Futura.

Café previamente adoçado é muito pobre.

24/07

Estádio Chinês: Ninho de Pássaro. Brasileiro: … de Pombo.

Brasil, onde a preferência é de quem vem à direita.

23/07

Ela riu quando falei de minhas duas louras pré-adolescentes, Olivia Newton-John e Lucinha Lins – esta, principalmente, como a gata d’Os Saltimbancos Trapalhões. Um pré-fetiche, digamos.

Deve ser daí que escapa, vez em quando, uma atenção àquele fenótipo dourado. É um sabor que atiça.

– … Se não deu certo é porque não chegou ao fim.
– E se faltar muito?

Prxima Pgina »
 

Powered by WordPress