9/11

Nathália Dill é como os clássicos anúncios de sabonete. Pequenas covinhas junto à base das bochechas sugerem um molde para replicar o encanto, honrando a expressão “belas artes”.

Uma quase regra nos joga aos problemas necessários como um lembrete sadio. Para combater o TOC de atualização deste Blog, não foi diferente: uma invasão maliciosa no curioso 9/11 serviu para deixar a engrenagem refrescar. Pois agora volto, sempre esperançoso da providência pessoal.

« Pgina Anterior
 

Powered by WordPress